Últimas notícias

Chuvas acima da média histórica atingem SP e RJ

Fortes chuvas atingiram a cidade do Rio de Janeiro e municípios do litoral paulista desde o domingo (7). Na noite de segunda-feira (8), a tempestade que caiu na capital fluminense deixou ao menos dez mortos. Segundo informações do Instituto Climatempo e do Alerta Rio, na Rocinha, por exemplo o volume de chuva em 24 horas chegou 343,4 milímetros. A maior marca registrada anteriormente era de 304,6 milímetros, no início de abril de 2010.

No litoral paulista, fortes temporais atingiram a região entre a noite de domingo (7) e a manhã de terça-feira (9), causando alagamentos em cidades como Bertioga, Santos, São Vicente, Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe.

LITORAL SUL

PERUÍBE

Em 84 horas, pouco mais de três dias, choveu em média mais de 300 milímetros em alguns pontos da cidade de Peruíbe, o maior volume registrado ao longo dos anos em tão pouco tempo. De acordo com dados apurados desde 1963 pelo DAEE – Departamento de Águas e Energia Elétrica, a média histórica até hoje é de 192,65 milímetros para os 30 dias do mês de abril.

ITANHAÉM

Em 72 horas, o acumulado das chuvas em média foi de 200 mm. A chuva persistente ao longo do dia, combinado com a alta da maré, dificultou o escoamento das águas.

MONGAGUÁ

Em Mongaguá, moradores tiveram que tirar os móveis de casa após as chuvas também encheram as ruas de bairros como o Agenor Campos. O acumulado das chuvas em 72 horas em média foi de 220 mm.

Os municípios, por meio da Defesa Civil e da Guarda Municipal, estão prestando toda a assistência necessária para acolher as famílias desabrigadas ou desalojadas.

Matérias relacionadas